quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Como católica como vejo esta lei de casamento homossexuais

Como já em uma das minhas postagens, eu escrevi o seguinte: Acho que todos mas todos somos feitos para amar , quer tenhamos a raça que tivermos. Sinceramente, não condeno nada esta Lei que irá ser colocada em vigor, pois se ali há Amor acho, que se deve expandir, o seu ponto de vista, perante os dois quer sejam homens, ou mulheres, estou de acordo sim! e seria para mim um desfasamento, excluir, um casamento desses , pois têm todo o direito de Amar . Se me perguntarem, mas você aceitaria, a filha que tem, casar com outra mulher? Só digo isto; porque não! Ela e a companheira dela , é digna de amar mais nada poderia fazer .
Tenho que aceitar as suas decisões, nada mais me resta Mas coloco aqui dois pontos importantes; que essa dita união , nunca fosse consumada , por a Santa Madre Igreja isso nunca . Acho que a Igreja Católica , e seus componentes, devem se colocar totalmente á parte, dessa dita união, mas prestar como humanos que são, o seu apoio já que proclamam o Evangelho, nunca colocar de parte, essas pessoas, temos que nos lembrar, que são filhos de Deus , como os heterossexuais certo!
Ouvi falar nas noticias , uma coisa bastante interessante, do seguinte : virem adoptar crianças caso queiram. Sinceramente uma criança precisa de um Pai verdade seja dita , á mas meus amigos, há por ai pais, que não valem nada. Prestar Amor ás pobrezinhas , que não tiveram culpa, de nascer, e os deitam, para a sarjeta , como cães esfaimados, ou os entregam á segurança social, para lhes dar o rumo preciso, é melhor serem realmente adoptados, por pessoas mais humanas. O Ser católica , não é DESPREZAR

2 comentários:

João Andrade disse...

Muito bem explicado o seu post amiga as vezes nos esquecemos desses detalhes pequenos que é o do acolhimento é mais julgar do que acolher como católicos temos que rever esses conceitos nossos.
Deus abençõe e continue publicando textos como esse fica com Deus

assinado : João Andrade

www.giroglobal.ning.com

casualidade disse...

Realmente amigo, lá por sermos católicos, temos uma palavra definida, sobre casamento entre pessoas do mesmo sexo, temos que deixar essas pessoas, constituir o seu Amor, e não estar a perturbar, as suas ideias, pois com certeza, eles não prejudicam as nossas de casamento, nem tão pouco acham ridículo .Porque há-de haver pessoas a bater com, a mão no peito, e cá fora fazem tudo diferente? Porque vai um católico confessar-se a um sacerdote, e diz padre abençoai-me porque pequei, lá vai o distinto presbítero, dar-lhe absolvição e passado uns meses faz pior . Nós católicos até devemos ter, uma postura diferente, do que realmente não temos , e como é formada essa postura? aceitar o nosso irmão, como ele pensa que será melhor para ele, e nada mais nos resta. Pois; se Deus não coloca amarras, aos seus queridos filhos, porque haveremos nós de as colocar? Com essa postura do contradizer, acho eu! que não somos nem seremos uns BONS CATÓLICOS